Dicas para ter a melhor experiência em eventos híbridos

Segundo a Associação Brasileira de Promotores de Eventos (Abrape), a expectativa é de que 590 mil eventos sejam realizados até o final deste ano, em todo país. Com a retomada dos eventos presenciais, é muito importante estar preparado para garantir aos participantes a melhor experiência possível.

A pandemia da Covid-19 deixou explícito a importância dos eventos online – aliás, eles foram a única opção durante a maior parte do tempo nesse período e trouxeram excelentes resultados. Porém, o retorno ao formato presencial demanda atenção especial a certos aspectos da experiência dos participantes, que diferem de eventos online.

“A volta dos eventos presenciais é, sem dúvida, muito aguardada por todo o setor. E possibilitar uma boa experiência para o participante que está retornando a este tipo de encontro social é essencial neste momento, quando, além das preocupações com a segurança e saúde, as expectativas do público estão bastante elevadas e precisam ser atendidas de acordo” comenta Leandro Reinaux, CEO da Even3, startup que simplifica a organização de eventos.

Alguns fatores importantes aumentam as chances dos participantes de eventos terem uma experiência mais produtiva, interativa e satisfatória. Pensando nisso Leandro cita as 4 principais boas práticas para o sucesso de um evento junto ao público.

1. Quantidade de atividades

É preciso pensar para que o conteúdo não se torne exaustivo e isso acabe prejudicando a experiência. Por isso, a dica é distribuir bem as atividades entre dias do evento e adicionar dinâmicas e interatividade na programação, com o objetivo de fazer com que os participantes permaneçam conectados por mais tempo e o evento tenha diferenciais.

2. Acesso ao conteúdo após o evento

Uma das maiores vantagens que o formato de eventos online permite, é o acesso a todo o material e vídeos mesmo após o fim do evento. Essa prática ainda pode existir no formato presencial dessa forma, o inscrito terá a ótima impressão de que aquele conteúdo poderá agregar por mais tempo, extraindo sempre que necessário informações que ele possa utilizar em trabalhos, produções, etc. Além disso, os organizadores podem aumentar o engajamento e visibilidade, vendendo esse conteúdo para quem não participou.

3. Evento híbrido? Sim!

Possibilitar a transmissão de palestras é sem dúvida uma ótima opção e para isso a plataforma utilizada pelos organizadores também costuma ser algo que chama a atenção dos participantes. Quanto mais segura, intuitiva e de fácil acesso, melhor.

Convidar especialistas renomados no nicho do seu evento também acaba trazendo maior credibilidade, popularidade e interesse do público, que muitas vezes se inscreve com essa motivação.

4. Fóruns de discussão e sorteios

Ainda em busca de interatividade, uma estratégia que tem sido bem-sucedida são os fóruns de discussão e a criação de enquetes, excelentes opções para ouvir a audiência. Além disso, recomenda-se a realização de sorteios e a criação de comunidades exclusivas nas redes sociais, que também acabam se tornando fóruns de discussão após o evento

A Even3, por exemplo, possui uma plataforma de eventos capaz de criar com facilidade e de forma intuitiva sorteios para os participantes, onde o organizador poderá escolher qual grupo vai fazer parte do sorteio (inscritos ou credenciados).

Sobre a Even3
Fundada em 2015, em Recife, pelos sócios Leandro Reinaux, Cláusio Barbosa e Renato Cruz, a Even3 é uma plataforma de eventos que conecta pessoas e conhecimentos científicos e acadêmicos.

Deixe um comentário